Genre not found
Artist not found
Album not found
Song not found

Estação derradeira
Chico Buarque Lyrics


Rio de ladeiras
Civilização encruzilhada
Cada ribanceira é uma nação

À sua maneira
Com ladrão
Lavadeiras, honra, tradição
Fronteiras, munição pesada

São Sebastião crivado
Nublai minha visão
Na noite da grande
Fogueira desvairada

Quero ver a Mangueira
Derradeira estação
Quero ouvir sua batucada, ai, ai

Rio do lado sem beira
Cidadãos
Inteiramente loucos
Com carradas de razão

À sua maneira
De calção
Com bandeiras sem explicação
Carreiras de paixão danada

São Sebastião crivado
Nublai minha visão
Na noite da grande
Fogueira desvairada

Quero ver a Mangueira
Derradeira estação
Quero ouvir sua batucada, ai ai

Contributed by Jason O. Suggest a correction in the comments below.
To comment on specific lyrics, highlight them
Comments from YouTube:

Poeta das Calçadas

Rio de ladeiras
Civilização encruzilhada
Cada ribanceira é uma nação

À sua maneira
Com ladrão
Lavadeiras, honra, tradição
Fronteiras, munição pesada

São Sebastião crivado
Nublai minha visão
Na noite da grande
Fogueira desvairada

Quero ver a Mangueira
Derradeira estação
Quero ouvir sua batucada, ai, ai

Rio do lado sem beira
Cidadãos
Inteiramente loucos
Com carradas de razão

À sua maneira
De calção
Com bandeiras sem explicação
Carreiras de paixão danada

São Sebastião crivado
Nublai minha visão
Na noite da grande
Fogueira desvairada

Fernando Mohr

Pode me explicar esses versos?
À sua maneira
De calção
Com bandeiras sem explicação
Carreiras de paixão danada

Joshler

SUPER TEMA , GRAN ORQUESTACION.

Vagner Silva

O Cotidiano cantado em Versos e Prosas , mais uma obra impecável de Chico .

Fernando Mohr

Pode me explicar esses versos?
À sua maneira
De calção
Com bandeiras sem explicação
Carreiras de paixão danada

Poeta das Calçadas

❤️❤️❤️❤️❤️

Fernando Mohr

Pode me explicar esses versos?
À sua maneira
De calção
Com bandeiras sem explicação
Carreiras de paixão danada

More Videos