Genre not found
Artist not found
Album not found
Song not found
Trem das Onze
by Adoniran Barbosa

La la laia laia
Tu du rururu, tu du rururu, tu du rururu (laia laia)
Não posso ficar nem mais um minuto com você
Sinto muito amor, mas não pode ser
Moro em jaçanã
Se eu perder esse trem
Que sai agora às onze horas
Só amanhã de manhã

Não posso ficar nem mais um minuto com você
Sinto muito amor, mas não pode ser
Moro em jaçanã
Se eu perder esse trem
Que sai agora às onze horas
Só amanhã de manhã

Além disso mulher, tem outra coisa
Minha mãe não dorme enquanto eu não chegar
Sou filho único
Tenho minha casa prá olhar

Não posso ficar
Não posso ficar nem mais um minuto com você
Sinto muito amor, mas não pode ser

Moro em jaçanã
Se eu perder esse trem
Que sai agora às onze horas
Só amanhã de manhã

Além disso mulher, tem outra coisa
Minha mãe não dorme enquanto eu não chegar
Sou filho único
Tenho minha casa prá olhar
Não posso ficar
La la laia laia
Du du du (laia laia)
La, la, laia laia
Du du du (laia laia)

Lyrics © Tratore
Written by: Adoniran Barbosa

Lyrics Licensed & Provided by LyricFind
To comment on specific lyrics, highlight them
Comments from YouTube:

Karine Dancing

o cara morreu antes de eu nascer e me deixa uma música dessa, puta herança boa que nosso país tem....

Aline Sousa

Adoro ele e um mito

4f52

muita gente morreu antes de tu nascer

D7DEZIN TV

Eu moro no jaçãnã do lado da onde era o trem

lipe garcia

Eu digo o mesmo... fecho os olhos e me imgino nessa década...

Diogo Soares

@super Raíssa life quando ele faleceu eu tinha 15 anos

13 More Replies...

Victor Apolonio

música já denunciava o caos no transporte público

Raphael Motta

@Joaofernando Almeida Prado é uma piada seu jumento

Raphael Motta

KKKKKKKKK

João Paulo Cunha

Tem nada a ver kkkkkkkkk

More Comments

More Videos