Genre not found
Artist not found
Album not found
Song not found

Invocada
Ludmilla [feat. Léo Santana] Lyrics


Eu te amava, não posso negar também sofria, não posso mentir
Agora sou eu que não te quero mais aqui
Aprendi a viver sem você, superei a ilusão que eu tinha
Agora 'tô livre e solteira na pista
Se conforma, eu não vou voltar, agora tu vai ver o que é sofrer
Vou te ensinar como se bota pra foder

Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Se eu me invocar
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo

'Cês 'tão preparados
Com vocês o GG da Bahia
Rio De Janeiro,
Faz dois L's, faz dois L's, faz dois L's, vo' mandar, vo' manda, vo' mandar, vo' mandar

Você me ama, não dá pra negar
E 'tá sofrendo, não dá pra mentir
Para de ser boba que eu te quero bem aqui
Eu não posso viver sem você
Você também não fica sozinha
Encontro marcado, a gente se esbarra na pista
Diz que vai, mas só pensa em voltar
Sabe que a gente tem tudo a ver
Quando bate o grave a gente bota pra ferver

Meta e dança, vai
Meta e dança, vai
Eu desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Se eu me invocar
eu desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo

Olha o passinho vai, vem quebrando vai
Léo Santana

Lyrics © Warner Chappell Music, Inc.
Written by: Jefferson Junior, Umbert Tavares, Ludmila Oliveira Da Silva

Lyrics Licensed & Provided by LyricFind
To comment on specific lyrics, highlight them
Most interesting comments from YouTube:

Danielle Ohana

LETRA

Eu te amava, não posso negar também sofria, não posso mentir
Agora sou eu que não te quero mais aqui
Aprendi a viver sem você, superei a ilusão que eu tinha
Agora 'tô livre e solteira na pista
Se conforma, eu não vou voltar, agora tu vai ver o que é sofrer
Vou te ensinar como se bota pra foder

Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Se eu me invocar
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo

Você me ama, não dá pra negar
E 'tá sofrendo, não dá pra mentir
Para de ser boba que eu te quero bem aqui
Eu não posso viver sem você
Você também não fica sozinha
Encontro marcado, a gente se esbarra na pista
Diz que vai, mas só pensa em voltar
Sabe que a gente tem tudo a ver
Quando bate o grave a gente bota pra ferver

Eu desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Se eu me invocar
eu desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo



Gustavo Tavares

Eu te amava, não posso negar
também sofria, não posso mentir
Agora sou eu que não te quero mais aqui
Aprendi a viver sem você, superei a emoção que eu tinha
Agora tô livre e solteira na pista
Se conforma, eu não vou voltar, agora tu vai ver o que é sofrer
Vou te ensinar como se bota pra fuder

Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Se eu me invocar
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo

Você me ama, não dá pra negar
e tá sofrendo, não dá pra mentir
Para de ser boba que eu te quero bem aqui
Eu não posso viver sem você
Você também não fica sozinha
Encontro marcado, a gente se esbarra na pista
Diz que vai, mas só pensa em voltar
Sabe que a gente tem tudo a ver
Quando bate o grave a gente bota pra ferver

Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Se eu me invocar
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo



j

Letra:

Eu te amava, não posso negar também sofria, não posso mentir
Agora sou eu que não te quero mais aqui
Aprendi a viver sem você, superei a ilusão que eu tinha
Agora 'tô livre e solteira na pista
Se conforma, eu não vou voltar, agora tu vai ver o que é sofrer
Vou te ensinar como se bota pra fuder
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Se eu me invocar
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
'Cês tão preparados
Com vocês o GG Da Bahia
Rio De Janeiro,
Faz dois L's, faz dois L's, faz dois L's, vô manda, vô manda, vô manda, vô manda
Você me ama, não dá pra negar
E 'tá sofrendo, não dá pra mentir
Para de ser boba que eu te quero bem aqui
Eu não posso viver sem você
Você também não fica sozinha
Encontro marcado, a gente se esbarra na pista
Diz que vai, mas só pensa em voltar
Sabe que a gente tem tudo a ver
Quando bate o grave a gente bota pra ferver
Meta e dança, vai
Meta e dança, vai
Eu desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Se eu me invocar
eu desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho quebro, na boquinha eu levo o dedo
Olha o passinho vai, vem quebrando vai



Ivan Veloso

Eu te amava, não posso negar
Também sofria, não posso mentir
Agora sou eu que não te quero mais aqui

Aprendi a viver sem você
Superei a emoção que eu tinha
Agora tô livre e solteira na pista

Se conforma, eu não vou voltar
Agora tu vai ver o que é sofrer
Vou te ensinar como se bota pra fuder

Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho, quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho, quebro, na boquinha eu levo o dedo


Se eu me invocar

Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho, quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho, quebro, na boquinha eu levo o dedo

Você me ama, não dá pra negar
E tá sofrendo, não dá pra mentir
Para de ser boba que eu te quero bem aqui

Eu não posso viver sem você
Você também não fica sozinha
Encontro marcado, a gente se esbarra na pista

Diz que vai, mas só pensa em voltar
Sabe que a gente tem tudo a ver
Quando bate o grave a gente bota pra ferver

Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho, quebro, na boquinha eu levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho, quebro, na boquinha eu levo o dedo

Se eu me invocar

Eu desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho, quebro, na boquinha, levo o dedo
Desço empinando a bunda, subo com a mão no cabelo
Quebro, de ladinho, quebro, na boquinha eu levo o dedo



All comments from YouTube:

LUDMILLA

METE DANÇA! Quem já aprendeu os passinhos grava um vídeo e posta nas redes sociais com a tag #InvocadaChallenge pra eu poder ver e compartilhar ❤

Ana lucia Ciodaro

Q

CARLOS

@Caroline Lima dez

Luana Souza

Vai lá e faz melhor que ele ett

Vera Lucia Gonçalves Da Silva Gonçalves Da Silva

maravilhosaaaa❤

Cristine Silva

Kl

489 More Replies...

Fellipe Ferreira

Já pode ser o próximo single. No meu país Bahia se tem Leo Santana é hit

Vitor Borges

@Vênus Gomes biruta é brabo mesmo mais Leo Santana é o Rei mesmo

Esperança Leonardo

@Vitória Jade Rosa há bom !
Não sabia disso 😆

Vitória Jade Rosa

@Esperança Leonardo aí meu deus, é um meme chamar os estados de país

More Comments

More Videos