Anjo Avesso
Alceu Valença Lyrics


Safada era a cara do anjo
Que no quarto noturno pintou
No meu ouvido falou
Loucuras de amor
Pegou minha mão e saímos na troca de passos
Que beijo molhado, escandalizado
Que até minha gata se escandalizou
Com um penacho de índio ele me coroou

Sou anjo avesso, sou Tupã presente
Guerreiro sempre, galho da semente
Do algodão, do pau-brasil
Da serpentina que coloriu
Os olhos do cego, a voz do anão
A vida e o meu coração de leão

Contributed by Adeline J. Suggest a correction in the comments below.
To comment on specific lyrics, highlight them
Genre not found
Artist not found
Album not found
Song not found
Comments from YouTube:

Dirceu Costa

que maravilha

Ubirajara Faustino

Grande Alceu, grande primo Carlos Fernando. O que é bom se eterniza. Eis um frevo que adoro!

caminhantesolitario

som maravilhoso!!!!

Jhulya Stephanyツ

vou dançar essa música na minha escola amoooo

Daniel Vieira

Lindo!!

Paulo Fernando

Um frevo com pitada de rock. Conheci esse LP em primeira mão, pelas mãos do saudoso Paulo Rafael.

Claudinhoarteoficio ANJO DAS ORQUÍDEAS Arteoficio

Amigooo essa música

Julio César

fera alceu

Geandro Santos

Tá repreendida essa música no nome de Jesus Cristo!

Zulene Reis Lins

Que anjo é esse 👹

More Comments

More Videos