As Vitrines
Chico Buarque Lyrics


Eu te vejo sair por aí
Te avisei que a cidade era um vão
-Dá tua mão
-Olha pra mim
-Não faz assim
-Não vai lá não

Os letreiros a te colorir
Embaraçam a minha visão
Eu te vi suspirar de aflição
E sair da sessão, frouxa de rir

Já te vejo brincando, gostando de ser
Tua sombra a se multiplicar
Nos teus olhos também posso ver
As vitrines te vendo passar

Na galeria
Cada clarão
É como um dia depois de outro dia
Abrindo um salão
Passas em exposição
Passas sem ver teu vigia
Catando a poesia
Que entornas no chão

Lyrics © O/B/O APRA/AMCOS

Lyrics Licensed & Provided by LyricFind
To comment on specific lyrics, highlight them
Genre not found
Artist not found
Album not found
Song not found
Most interesting comment from YouTube:

Rogério José

Eu te vejo sumir por aí
Te avisei que a cidade era um vão
- Dá tua mão
- Olha pra mim
- Não faz assim
- Não vai lá não

Os letreiros a te colorir
Embaraçam a minha visão
Eu te vi suspirar de aflição
E sair da sessão, frouxa de rir

Já te vejo brincando, gostando de ser
Tua sombra a se multiplicar
Nos teus olhos também posso ver
As vitrines te vendo passar

Na galeria, cada clarão
É como um dia depois de outro dia
Abrindo um salão
Passas em exposição
Passas sem ver teu vigia
Catando a poesia
Que entornas no chão



All comments from YouTube:

julmar moreira

A serenidade da voz , a suavidade da letra e a leveza da melodia são características desse gênio da nossa musica .
Pena que poucos tem ouvidos para ouvir !

khan sander

Escolha melhor os amigos, cara Lizandra. Nunca é tarde para fazer uma revisão de vida, amizades,amores, ideais,desapegos... Tenha coragem de dizer 'NÃO'!!!@Lizandra De Almeida

Daniela Bruce

Descrição perfeita!

Marcos Florêncio

É verdade

Lizandra De Almeida

Queria ter amigos que gostassem, triste viu

Yasmine Samtana

essa música é de uma sutileza que arrepia. Chico Buarque consegue atingir o nosso âmago.arquiteto da nossa música popular

Cláudio Benedito Barreto Barreiros

AMIGA YASMINE,EU ADORO AS MÚSICAS DELE,AGORA ELE FICA PUTO QUANDO DIZEM QUE ELE TEM UMA VOZ HORRÍVEL. KKK

Rogério José

Eu te vejo sumir por aí
Te avisei que a cidade era um vão
- Dá tua mão
- Olha pra mim
- Não faz assim
- Não vai lá não

Os letreiros a te colorir
Embaraçam a minha visão
Eu te vi suspirar de aflição
E sair da sessão, frouxa de rir

Já te vejo brincando, gostando de ser
Tua sombra a se multiplicar
Nos teus olhos também posso ver
As vitrines te vendo passar

Na galeria, cada clarão
É como um dia depois de outro dia
Abrindo um salão
Passas em exposição
Passas sem ver teu vigia
Catando a poesia
Que entornas no chão

Flávio Santana

Ótimo

Camille Oliveira

Linda música! História triste, onde a amada trata com indiferença seu amado. Ela não liga, não fala nada, não o dar uma resposta. Enfim, muitos relacionamentos são assim; pessoas imaturas comportam-se com criança.

More Comments

More Videos