Branca Aurora
Cristina Branco Lyrics


A Branca Aurora perdeu o cartão de cidadão
nunca teve passaporte e não sabe bem a idade
gosta de sentir o chão a afagar-lhe as plantas dos pés
a Branca Aurora perdeu o cartão de cidadão

A Branca Aurora deu cabo do espelho retrovisor
acredita que o passado nunca teve grande futuro
e que o futuro está bem mais distante de tudo o que era dantes
a Branca Aurora deu cabo do espelho retrovisor
E se ela dança, todos os passos em redor são seus
quando ela balança, salta do vocabulário a palavra “adeus”

A Branca Aurora é um manancial de inspiração
goza com a própria sorte e não tem medo do destino
se alguém lhe oferece um cocktail ela opta por um “Molotov”
a Branca Aurora é um manancial de inspiração

E se ela dança, todos os passos em redor são seus
quando ela balança, salta do vocabulário a palavra “adeus”

A Branca Aurora não vive no reino das ilusões
quando vai ao mercado chega sempre fora de horas
e tira sempre partido daquilo que os outros deitaram fora
a Branca Aurora não vive no reino das ilusões

Contributed by Dominic I. Suggest a correction in the comments below.
To comment on specific lyrics, highlight them
Genre not found
Artist not found
Album not found
Song not found
Comments from YouTube:

Teresa Marreiros

Excelente disco com óptimas composições. A voz desta rapariga é belíssima. Vai ser um sucesso. Obrigada Cristima por representares tão bem a nossa música.

Roberto Medeiros

What a beautiful voice!!!

58guidapires

Que espectáculo dentro doutro espectáculo! Cristina Branco cantando um poema de Jorge Palma. Gostooooooooooooooooooooo!... :)

More Videos