Cristina Branco, Quando Julgas Que Me Amas: We need your help!

  • I can comment on it

  • I know the meaning

  • I can review it

  • I can translate it

Skip to video »
Genre not found
Artist not found
Album not found
Song not found
Quando Julgas Que Me Amas
by Cristina Branco

António Lobo Antunes / Mário Laginha

Se perguntasse em redor
O que foi feito de nós
Que silêncio meu amor
À volta da minha voz

Não é a mim que tu tocas
Quando julgas que me amas
Que coisas dizem as bocas
Ao fingirmos que me chamas?

Uma só cama no quarto
E dois sonhos separados
Meu amor no teu retrato
Vejo os meus olhos parados

Não penses que perdoei
Só por te abraçar assim
Nem vás pensar que chorei:
Foi a vidraça por mim

Vesti-me da sua vida
Por dentro da minha pele:
Com a ternura assim escondida
Não vão dizer que sou dele

E guardo os olhos no lenço
Ao passar na sua rua
Quem sabe que lhe pertenço?
Quem descobre que ando nua?

Ele chega quando eu parto
Volto sozinha depois.
Só dentro do nosso quarto
De repente somos dois

Contributed by Adeline N. Suggest a correction in the comments below.
To comment on specific lyrics, highlight them

More Videos