Procuro Alguém
DJONGA Lyrics


(Eu) procuro alguém que me faça chorar de novo
Que me faça lembrar como sou imperfeito
Um relógio que faça meu tempo parar
Alguém que não repita nada do que eu tenha feito
Alguém que curta Harry Potter
E odeie Senhor dos Anéis como eu

Que ache dinheiro um saco
Que seja linda como a mulher que escolhi pra mim
E que não se importe se homens usam salto ou sapato
Alguém que ame pessoas e só use coisas
Alguém que seja tão simples quanto o curso da água
Alguém que eu idealize e me decepcione
Vai, faz a coisa certa, mesmo que julguem errada
'To por aí fazendo pontes pra quem nem conheço
Não quero que isso crie um muro entre eu e você
Eu te ensino a dar passos, me ensina a caminhar
É que se a gente não anda junto tem risco de se perder
São tempos difíceis, pessoas artificiais
Pra ir ao luxo, anos, pra voltar ao lixo, meses
Sei que 'cê guenta pois toda mulher nasce de outra mulher
Por isso são fortes duas vezes

Ioiô ioiô ioiô
Ioiô ioiô ioiô
Ioiô ioiô ioiô
Ioiô
Sinônimo de amor
Ioiô ioiô
Ioiô ioiô ioiô
Ioiô ioiô ioiô
Ioiô
Sinônimo

Procuro alguém que me faça ser bom de novo
E me lembre como eu amo comer pão com ovo
Que restaurante gourmet é até bom
Mas arroz, feijão e carinho é o prato do povo
Me faça não ter vergonha de errar
Me faça entender que o mundo ainda é mais que o meu ego
Que as meninas que me importam tão dentro do meu lar
Então me ensina a passar a visão pra eu não criar um menor cego
Hipocrisia à parte, meu lado realista
Vou poder a primeira vez ser menos machista
Na prática, a vontade é te prender e tudo
Mas pássaro é pro vento, igual você pro mundo

Deitada no meu peito, conversa em silêncio, então
'Cês já ouviram alguém falando pelo coração?
Certeza que isso é algo efetivo
Já que é igual o beat, quanto mais bate mais me sinto vivo
Mas se alguém te toca, eu toco a porrada
Disposição pra tudo, paciência pra quase nada
Quando eu te pego no colo, minha voz se cala
Cinco dia com você aprendo mais que em quinze ano com os cara
Coração na mão, quando eu 'to longe
Oração mó fé, pra te ver bem
Horas são pouco ou quase nada
Pra descrever tudo que a gente tem (tão pouco)

Ioiô ioiô ioiô
Ioiô ioiô ioiô
Ioiô ioiô ioiô
Ioiô
Sinônimo de amor
Ioiô ioiô
Ioiô ioiô ioiô
Ioiô ioiô ioiô
Ioiô
Sinônimo

Lyrics © Warner Chappell Music, Inc.
Written by: Gustavo Pereira Marques, Paulo Alexandre Almeida Santos

Lyrics Licensed & Provided by LyricFind
To comment on specific lyrics, highlight them
Genre not found
Artist not found
Album not found
Song not found
Most interesting comments from YouTube:

Dayana Luthor

LETRA:

Procuro alguém que me faça chorar de novo
Que me faça lembrar como sou imperfeito
Um relógio que faça meu tempo parar
Alguém que não repita nada do que eu tenha feito
Alguém que curta Harry Potter
E odeie Senhor dos Anéis como eu
Que ache dinheiro um saco
Que seja linda como a mulher que escolhi pra mim
E que não se importe se homens usam salto ou sapato
Alguém que ame pessoas e só use coisas
Alguém que seja tão simples quanto o curso da água
Alguém que eu idealize e me decepcione
Vai faz a coisa certa mesmo que julgue errada
Tô por aí fazendo pontes pra quem nem conheço
Não quero que isso crie um muro entre eu e você
Eu te ensino a dar passsos, me ensina a caminhar
É que se a gente não anda junto tem risco de se perder
São tempos difíceis, pessoas artificiais
Pra ir ao luxo, anos, pra voltar ao lixo, meses
Sei que cê guente pois toda mulher nasce de outra mulher
Por isso são fortes duas vezes
Ioiô ioiô ioiô
Ioiô ioiô ioiô
Ioiô ioiô ioiô
Ioiô
Sinônimo de amor
Ioiô ioiô
Ioiô ioiô ioiô
Ioiô ioiô ioiô
Ioiô
Sinônimo de amor...
Procuro alguém que me faça ser bom de novo
E me lembre como eu amo comer pão com ovo
Que restaurante gourmet é até bom
Mas arroz, feijão e carinho é o prato do povo
Me faça não ter vergonha de errar
Me faça entender que o mundo ainda é mais que o meu ego
Que as meninas que me importam tão dentro do meu lar
Então me ensina a passar a visão pr'eu não criar um menor cego
Hipocrisia à parte, meu lado realista
Vou poder a primeira vez ser menos machista
Na prática, vontade é te prender e tudo
Mas pássaro é pro vento, igual você pro mundo
Deitada no meu peito, conversa em silêncio, então
Cês já ouviram alguém falando pelo coração?
Certeza que isso é algo efetivo
Já que é igual o beat, quanto mais bate mais me sinto vivo
Mas se alguém te toca, eu toco a porrada
Disposição pra tudo, paciência pra quase nada
Quando eu te pego no colo, minha voz se cala
Cinco dia com você aprendo mais que em 15 ano com os cara
Coração na mão, quando eu tô longe
Oração mó fé, pra te ver bem
Horas são pouco ou quase nada
Pra descrever tudo que a gente tem
Ioiô ioiô ioiô
Ioiô ioiô ioiô
Ioiô ioiô ioiô
Ioiô
Sinônimo de amor
Ioiô ioiô
Ioiô ioiô ioiô
Ioiô ioiô ioiô
Ioiô
Sinônimo



Anderson Clayton.

Criei uma letra em 2015 sobre minha Vó e quero ajuda para musicar,por vida,batida,time etc....



Movimentos lentos tremulados rosto enrrugado,mãos sofridas de trabalhos do passado. Sorriso inocente puro e sempre grato quando encontra alguém pra descarregar contos do passado.
Veridicos,lendas,vitorias ou derrotas viajei de montão em toda tua historia. Ignorava brincadeiras com amigos pra ouvir você minha preferência era terror logo aparecia dezenas de amigos como espectador.
O medo era prazeroso vindo de você até palmada era gostoso palmadas das quais seriamente nunca forão dadas bastava teu olhar e meu respeito eu apresentava. Tal força o respeito quem tivesse na plateia compartilhava aos seus herdeiros.
REFRÃO QUANDO LEMBRANDO QUASE CHORANDO RECORDO NÃO É ISSO QUE VÓ QUERIA VÉ O PRETO DELA EM PRANTOS DESCULPAS TE PEÇO JUSTIFICANDO E PURA SAUDADE EM LETRA E LAGRIMAS SE DESTILANDO.
Infância com você por perto defesa a severas punições era algo sempre certo Ao sair e retornando me encontrava chorando com mainha chateada ficava quase brigando Palmadas merecidas defesas agradecidas mesmo você sabendo . Que como criança e tal novos erros estaria logo logo cometendo.
Sempre me entregando teus conselhos entre os mais importantes um era perfeito. Estude,estude,estude,nunca seja um preto rude Entre pipas,peões, e bolinhas de gude o teu conselho foi desaparecendo Lamentei um dia hoje não mais lamento.
Vó queria você hoje ao meu lado vendo teu preto crescendo Em meio a cidade caótica tomada por maldade e muita droga se esquivando e rap iniciando uma nova historia.
Crescendo por meios de conselhos sábios de quem nem se quer concluiu o abcdario. Tempos difíceis para min também relatados quer ao invés de estudo e brincadeiras teve infância de trabalho forçado.
Como oração eu ouvia quando tal frase dizia Pegue todo conhecimento que na escola os professores estar te oferecendo.
REFRÃO QUANDO LEMBRANDO QUASE CHORANDO RECORDO NÃO É ISSO QUE VÓ QUERIA VÉ O PRETO DELA EM PRANTOS DESCULPAS TE PEÇO JUSTIFICANDO E PURA SAUDADE EM LETRA E LAGRIMAS SE DESTILANDO.
Ao lembrar de tuas receitas agua na boca jorra feito cachoeira Kitutes de primeira nunca te faltou disposição ao conzinhar para família enteira.
Alquimia das antigas,moquecas,cuzidos,doces,salgados sabores perfeitos dos seus dotes culinários. Toda vizinhança desesperava com os cheiros que de nossa casa evaporava.
Panela e colher antes de serem lavadas em minhas mãos você entregava. Para por min e algums irmãos serem raspasdas,como um troféu em mãos ia correndo ao canto da sala.
Após algum tempo de colheres em cada mão a panela parecia lavada. Quando da cozinha você nos gritava,”traz a panela antes que seja furada’’ Ao te devolver impossível não perceber risos dos mais amáveis direcionados a min vindo de você.
REFRÃO QUANDO LEMBRANDO QUASE CHORANDO RECORDO NÃO É ISSO QUE VÓ QUERIA VÉ O PRETO DELA EM PRANTOS DESCULPAS TE PEÇO JUSTIFICANDO E PURA SAUDADE EM LETRA E LAGRIMAS SE DESTILANDO.
Ao passar dos anos já sentia teu cansaço meio conformado. Pois aprendi na escola leis da física sempre serão inviolável.
Cansaço que aparecia em forma de envergadura ao me ver se aproximar corrigia tua postura. Nunca se deixou abater talvez para eu não perceber Duro era ter certeza certeza que tua medicina xaropes,chás,compressas e rezas sempre infalhives desse vez pelo tepo não seriam invencíveis.
Proximo ao fim de tudo como homen bem mais maduro Me sentia chateado quando na tv era relatado aumento de salario Sorridente eu lhe via mesmo sabendo no dia seguinte valores e impostos serias dobrados.
Após teu sorriso eu esquescia chateado não mais estaria Depressa corria aos teus braços e me sentia aconchegado Diante da única pessoa que na infância cultivava tais laços Caricias,brincadeiras,conselhos,delicias,medicinas. Hoje tudo o que me restou foi lembranças e saudades infinitas.
92 anos muito pouco por min passaria dos 98 Nessa letra estou certo de que te representei como o preto rei que você me fez Jamais seu nome por min seria borrado gritando aos quatos ventos “aê vó tô estorado”
Ainda não creio mais sendo verdade quem sabe um dia Voltarei aos teus braços onde a felicidade verdadeiramente existia.



All comments from YouTube:

Ivens

Vivi pra ver isso! Essa obra é sinônimo de amor

Bonde Cangaço

Agora que já viu pode morrer

Gabriel Barbosa

44444444444444444444444

Pedro Ygoor

@Bianca Vitoria a

LINGAMER98

🙌🙌🙌🙌 AJUDEM BRASIL 🙌🙌🙌🙌🙌 MEU PIX 123.428.956-31
Aos 23 anos, tô vencendo às sequelas da Covid-19 à 55 dias.

Diogo santos

@Ramon Inácio aaaaaaaaaaaaa

33 More Replies...

dodgino

Na mesma obra o cara lançou "alguém que acha dinheiro um saco", "alguém que ame pessoas e use coisas", caralho, finalmente um rapper chega no auge e representa a gente de verdade, sou motorista quebrado de uber e estudante universitário, mas minha alma é pura poesia, quando vejo um cara da quebrada vencendo só com letra de ostentaçao fico feliz, mas um pouco triste, nossos antepassados levaram a chibata, nao para que nós tornassemos apenas consumidores de coisas deles, como eles, tudo bem ter coisas, é bom ver um irmão vencer, mas melhor ainda é trazer a representatividade pra quem nao tem, pra quem acorda as 5 e pega as 6 e nao vai andar de porsche, e no futuro vai ser seu tião bigodão. Nao quero ver o MC Poze com 12 bundas na cara, de jogador de futebol e funkeiro estamos cheios, Djonga trás pra nós um rap sem ostentaçao, de identidade. Nao precisamos provar nada pra ninguém, erguemos esse país nas costas, e eles devem tudo a nós.

edy skold

Ele tem música que diz que escuta Poze, então ... Se xa de charme...

Isadora Ribeiro Silva

😍🖤

Guilherme Vasconcelos

Porra e você meteu um "erguemos esse país nas costas, e eles devem tudo a nós.", caralho.

More Comments

More Videos