Ave De Prata
Elba Ramalho Lyrics


É muito mais do que muito
Muito mais do que quantos anos todos piorei
É muito mais do que mata
Muito mais do que morrem todos pela planta do pé
É muito mais do que fera
Mais do que bicho
Quando quer procriar
Uma espécie sementes da água mistérios da luz

É muito mais do que antes
Mais do que vinte anos multiplicar
Dividir a mentira entre cabelos, olhos e furacões
Inventar objetos
Pela esfinge
Quando era mulher
Ave de prata
Veneno de fogo
Vaga-lume do mar
O mar que se acaba na areia
Gemidos da terra apoiados no chão
Entre todos que usam os dentes do arpão
Apoiados em cada parede pela mão
Pela mão que criou
Tantas trevas e luz
E cada coisa perdida
Perdidamente
Pode se apaixonar
Pela última vida poucos amigos
Hão de te procurar
Como é o silêncio
E nesse momento tudo deve calar
Numa história
Que venha do povo
O juízo final

Lyrics © Warner/Chappell Music, Inc.
Written by: José Ramalho

Lyrics Licensed & Provided by LyricFind
To comment on specific lyrics, highlight them
Genre not found
Artist not found
Album not found
Song not found
Most interesting comments from YouTube:

Denise Lopes

É muito mais do que muito
Muito mais do que quantos anos todos piorei
É muito mais do que mata
Muito mais do que morrem todos pela planta do pé
É muito mais do que fera
Mais do que bicho quando quer procriar
Uma espécie, sementes da água, mistérios da luz
É muito mais do que antes
Mais do que vinte anos multiplicar
Dividir a mentira
Entre cabelos, olhos e furacões
Inventar objetos
Pela esfinge quando era mulher
Ave de prata
Veneno de fogo
Vaga-lume do mar
O mar que se acaba na areia
Gemidos da terra apoiados no chão
Entre todos que usam os dentes do arpão
Apoiados em cada parede pela mão
Pela mão que criou tantas trevas e luz
e cada coisa perdida
Perdidamente pode se apaixonar
Pela última vida
Poucos amigos hão de te procurar
Como é o silêncio?
E nesse momento, tudo deve calar
numa história que venha do povo
O juízo final



Sales Melo

VISÃO GERAL

LETRAS

OUVIR

OUTRAS PESSOAS TAMBÉM PESQUISARAM

Letras

É muito mais do que muito
Muito mais do que quantos anos todos piorei
É muito mais do que mata
Muito mais do que morrem todos pela planta do pé
É muito mais do que fera
Mais do que bicho quando quer procriar
Uma espécie, sementes da água, mistérios da luz
É muito mais do que antes
Mais do que vinte anos multiplicar
Dividir a mentira
Entre cabelos, olhos e furacões
Inventar objetos
Pela esfinge quando era mulher
Ave de prata
Veneno de fogo
Vaga-lume do mar
O mar que se acaba na areia
Gemidos da terra apoiados no chão
Entre todos que usam os dentes do arpão
Apoiados em cada…



Sales Melo

VISÃO GERAL

LETRAS

OUVIR

OUTRAS PESSOAS TAMBÉM PESQUISARAM

Letras

É muito mais do que muito
Muito mais do que quantos anos todos piorei
É muito mais do que mata
Muito mais do que morrem todos pela planta do pé
É muito mais do que fera
Mais do que bicho quando quer procriar
Uma espécie, sementes da água, mistérios da luz
É muito mais do que antes
Mais do que vinte anos multiplicar
Dividir a mentira
Entre cabelos, olhos e furacões
Inventar objetos
Pela esfinge quando era mulher
Ave de prata
Veneno de fogo
Vaga-lume do mar
O mar que se acaba na areia
Gemidos da terra apoiados no chão
Entre todos que usam os dentes do arpão
Apoiados em cada…



All comments from YouTube:

R. S.

Melhor versão.
Amo essa época da Elba, quando sua voz era estridente, seca e emocional. Muito me encanta.

Maria Alves de Meneses

R.S, concordo com você. Amo a voz da Elba dessa época. De uma representatividade descomunal. Canta o Nordeste.
Viva Elba e viva Zé Ramalho!

tony diogenes

Que Música Maravilhosa!
Orgulho de ser NORDESTINO

Marcello Rodrigues

Nossa baixei essa música ao vê na série ( Onde nasce os fortes)👏👏👏👏 2018 alguém?

Ana Paula Ribeiro

Já conhecia essa mûsica.

Rainha dos Bixos da Floresta

Marcello Rodrigues dois meu querido

deivid mauricio

Poesia divinamente cantada em uma interpretação única na voz de Elba!
👏👏👏👏👏👏👏

Denise Lopes

É muito mais do que muito
Muito mais do que quantos anos todos piorei
É muito mais do que mata
Muito mais do que morrem todos pela planta do pé
É muito mais do que fera
Mais do que bicho quando quer procriar
Uma espécie, sementes da água, mistérios da luz
É muito mais do que antes
Mais do que vinte anos multiplicar
Dividir a mentira
Entre cabelos, olhos e furacões
Inventar objetos
Pela esfinge quando era mulher
Ave de prata
Veneno de fogo
Vaga-lume do mar
O mar que se acaba na areia
Gemidos da terra apoiados no chão
Entre todos que usam os dentes do arpão
Apoiados em cada parede pela mão
Pela mão que criou tantas trevas e luz
e cada coisa perdida
Perdidamente pode se apaixonar
Pela última vida
Poucos amigos hão de te procurar
Como é o silêncio?
E nesse momento, tudo deve calar
numa história que venha do povo
O juízo final

Neilton Júnior

Simplesmente magnífica!
Elba gravou está impecável canção no seu primeiro disco em 79, já Zé gravou no álbum a terceira lâmina em 81.

wellington marinho

letra complexa mais de uma viagem que poe te levar ao buraco negro...

More Comments

More Videos