Pipoca Moderna
Gilberto Gil Lyrics


E era nada de nem noite de negro não
E era nê de nunca mais
E era noite de nê nunca de nada mais
E era nem de negro não
Porém parece que hágolpes de pê, de pé, de pão
De parecer poder
(E era não de nada nem)
Pipoca ali, aqui, pipoca além
Desanoitece a manhã
Tudo mudou

Lyrics © Warner/Chappell Music, Inc.
Written by: CAETANO VELOSO, SEBASTIAO BIANO

Lyrics Licensed & Provided by LyricFind
To comment on specific lyrics, highlight them
Genre not found
Artist not found
Album not found
Song not found
Comments from YouTube:

Michael Alves

essas flautas me levam direto pro interior da Bahia..

Caio Queiroz Alves

Pois tu foi pro canto errado... kkkkkk Isso é a grande banda de pífanos de Caruaru

Isac Coelho

Banda De Pífaros de Caruaru

chicobeat

Duas pessoas não tem ouvido... nem coração.

Sadraque José Serafim Ribeiro

Gilberto Gil, the greatest brazilian composer.

Rodrigo Canedo

Sonzeira demais!!!

FNeeserfenix

Embora eu prefira a versão mais "sombria", da banda Mestre Ambrósio, adorei também esta versão mais alegre do Mestre Gil! A propósito, esta foto acima no vídeo é dele quando criança?

Lucas Domingues

isso, a foto é do filho dele, que morreu bem jovem, num acidente

Marcelo Moura

É o filho de Gil, Pedro Gil, o garoto da foto.

Eduardo Gonzalez

É sim! É a capa do disco Expresso 2222

More Comments

More Videos