Superficial
Ira! Lyrics


Superficial como um espinho
Me deixou aqui sozinho
Ferido no coração
E eu virei esta pequena ilha
Cercada por concreto
Inundada por ondas de paixão

Superficial como um espinho
Me deixou aqui sozinho
Ferido no coração
E eu virei esta pequena ilha
Fechada em meus sentimentos
Calado e tão só

E eu vou matando um leão por dia
Não posso ficar parado
Pensando se seria melhor ou não
Era a oposição que nos atraía
Eu tão socialista
E você tão neoliberal

Superficial como um espinho
Me deixou aqui sozinho
Ferido no coração
E eu virei esta pequena ilha
Fechada em meus sentimentos
Calado e tão só

Superficial como um espinho
Me deixou aqui sozinho
Ferido no coração
E eu virei esta pequena ilha
Cercada por concreto
Inundada por ondas de paixão

E muito louca é a sua caretice
Equilibrada é a sua insensatez
E admirável a sua intolerância
Mas não posso perder mais meu tempo
Bye, bye
Adeus

Lyrics © Warner/Chappell Music, Inc.
Written by: EDGARD PEREIRA

Lyrics Licensed & Provided by LyricFind
To comment on specific lyrics, highlight them
Genre not found
Artist not found
Album not found
Song not found
Most interesting comments from YouTube:

Raiane Reis

Superficial como um espinho
Me deixou aqui sozinho
Ferido no coração
E eu virei esta pequena ilha
Cercada por concreto
Inundada por ondas de paixão

Superficial como um espinho
Me deixou aqui sozinho
Ferido no coração
E eu virei esta pequena ilha
Fechada em meus sentimentos
Calado e tão só

E eu vou matando um leão por dia
Não posso ficar parado
Pensando se seria melhor ou não
Era a oposição que nos atraía
Eu tão socialista
E você tão neoliberal

Superficial como um espinho
Me deixou aqui sozinho
Ferido no coração
E eu virei esta pequena ilha
Fechada em meus sentimentos
Calado e tão só

Superficial como um espinho
Me deixou aqui sozinho
Ferido no coração
E eu virei esta pequena ilha
Cercada por concreto
Inundada por ondas de paixão

E muito louca é a sua caretice
Equilibrada é a sua insensatez
E admirável a sua intolerância
Mas não posso perder mais meu tempo
Bye, bye
Adeus



Emerson Fernandes

Rafael Souza Oliveira sem a menor sombras de dúvidas que os mesmos têm o direito de escolher suas ideologias. Afinal, mesmo que não pareça , ainda há um resquício de democracia nesse país. Mas bem resquício , mesmo.

Ainda sobre a dupla nasi-scandurra: o nasi fez parte da ujs ( união da juventude secundarista) , que foi um braço do PCdoB por muito tempo. Hj ele não reconhece mais a esquerda que ajudou a militar. Pois entende ( com razão ) que a mesma mudou em alguns pontos.

Já scandurra apoiou Haddad enquanto este era prefeito de São Paulo. Mas como vc mesmo falou, scandurra é avesso a grandes polêmicas e, por tabela, não comenta abertamente sobre política, embora todos sabem que ele é petista.

E, realmente, é emblemática a cara dele quando cita o " neoliberal".

Muito bem observado. 👍

E tratam se de dois monstros do rock nacional. ✌



All comments from YouTube:

Pablo Navarro

É... o tempo passa!!! Já ouvi de TUDO, musicalmente falando. Rock, Grunge, Metal e todos seus subgêneros/vertentes, nacionais e internacionais. Amo boa música. Por isso, sempre acabo voltando pro velho e inesquecível Ira!. As lágrimas e arrepios ainda tomam conta de mim quando ouço a guitarra de Edgar e seus duetos vocais com Nasi. Viva o rock nacional, PORRA!!!

Roney Pereira

Show de bola! Bom gosto musical é outra coisa! Parabéns pra nós e p o rock nacional! 🤘🏽👊🏽👏👏🙏🏼🤘🏽🤘🏽

lucas aparecido merli

tirando o porra .... e bem por ai e vamos entorpecendo ...bebendo vinho rs rs rs

Fernanda Pfister

Sensibilidade pura ! 👏🏻👏🏻

Marcio Salata

As vezes essa musica lembra pessoas que passa na nossa vida.

Renato Niemeyer

Essa versão é MUITO melhor que a original! Sonzaço!

Raiane Reis

Superficial como um espinho
Me deixou aqui sozinho
Ferido no coração
E eu virei esta pequena ilha
Cercada por concreto
Inundada por ondas de paixão

Superficial como um espinho
Me deixou aqui sozinho
Ferido no coração
E eu virei esta pequena ilha
Fechada em meus sentimentos
Calado e tão só

E eu vou matando um leão por dia
Não posso ficar parado
Pensando se seria melhor ou não
Era a oposição que nos atraía
Eu tão socialista
E você tão neoliberal

Superficial como um espinho
Me deixou aqui sozinho
Ferido no coração
E eu virei esta pequena ilha
Fechada em meus sentimentos
Calado e tão só

Superficial como um espinho
Me deixou aqui sozinho
Ferido no coração
E eu virei esta pequena ilha
Cercada por concreto
Inundada por ondas de paixão

E muito louca é a sua caretice
Equilibrada é a sua insensatez
E admirável a sua intolerância
Mas não posso perder mais meu tempo
Bye, bye
Adeus

Neura Maria Zanella

toda vez que escuto esa música choro. Não sei o por que!!!!!!!!!!??????????

Alencar Domingues

Eu também saudades das boas músicas boas vibrações

Patricia Santos

Kkkk

More Comments

More Videos