Oswaldo Montenegro, Sujeito Estranho: We need your help!

  • I can comment on it

  • I know the meaning

  • I can review it

  • I can translate it

Skip to video »
Genre not found
Artist not found
Album not found
Song not found
Sujeito Estranho
by Oswaldo Montenegro

Era um sujeito estranho
Ma barba, nos olhos, no rosto de sal e mais
Era um sujeito como se fosse possível
Chover sem molhar e mais
Era como se um índio pudesse tentar,
ser como ele era e mais,
Era um menino estranho, um homem tamanho
Sabia pegar e mais
Era como se a força, como se um redemoinho
Puxasse mais
Era como se a lua que eu trago nos dedos
nos puxasse mais e mais
Era como se não tivesse sido jamais

Writer(s): Oswaldo Montenegro Copyright: Warner/Chappell Edicoes Musicais Ltda

Contributed by Kennedy Y. Suggest a correction in the comments below.
To comment on specific lyrics, highlight them

More Videos