Maria Sambamba
Paulinho da Viola Lyrics


As vezes eu quero brigar com ela
Só pra sair na Portela
Mas não encontro razão ( razão )
Porque, sendo um samba brasileiro
Ela sambando na Mangueira ou no Salgueiro
Está defendendo, o nosso pavilhão

Eu conheci Mariazinha
Em Caxias, no Cartolinha
Depois em Jacarepaguá, foi sambar na União
Por ser azul e branco
A cor que tanto lhe seduz
Diz findar a carreira
No Acadêmicos de Osvaldo Cruz

Maria Sambamba todos conhecem
Quando entra no samba agente padece
Com o seu jeito de bambolear
De gingar e sambar

Já me contaram que um falso folião, metido a bamba
Até um milhão gastaria
Pra conquistar Sambamba

Contributed by Noah A. Suggest a correction in the comments below.
To comment on specific lyrics, highlight them
Genre not found
Artist not found
Album not found
Song not found
Comments from YouTube:

Marcia Teles

Neste Ano de 2022 deixo registrado aqui a comemoração do Centenário de Casquinha da Portela em 01/12/2022 , nos deixou com 95 anos

Alexandre Pereira

Musica de Otto Henrique Trepte, mais conhecido como Casquinha da Portela

More Videos