Ave Lúcifer
Os Mutantes Lyrics


As maças envolvem os corpos nus
Nesse rio que corre
Em veias mansas dentro de mim
Anjos e Arcanjos repousam neste Édem infernal

E a flecha do selvagem
Matou mil aves no ar

Quieta, a serpente
Se enrola nos seus pés
É Lúcifer da floresta
Que tenta me abraçar

Vem amor, que um paraíso
Num abraço amigo
Sorrirá pra nós
Sem ninguém nos ver

Prometa, meu amor macio
Como uma flor cheia de mel
Pra te embriagar
Sem ninguém nos ver

Tragam luvas negras
Tragam festas e flores
Tragam corpos e dores
Tragam incensos e odores

Mas tragam Lúcifer pra mim
Em uma bandeja pra mim

Lyrics © Warner Chappell Music, Inc.
Written by: Julian Gandara, Leandro Machin, Elcio Decario, Rita Carvalho, Arnaldo Baptista

Lyrics Licensed & Provided by LyricFind
To comment on specific lyrics, highlight them
Genre not found
Artist not found
Album not found
Song not found
Most interesting comments from YouTube:

Camila Finamora

As maças envolvem os corpos nus
Nesse rio que corre
Em veias mansas dentro de mim
Anjos e Arcanjos repousam neste
Édem infernal
E a flecha do selvagem
Matou mil aves no ar
Quieta, a serpente
Se enrola nos seus pés
É Lúcifer da floresta
Que tenta me abraçar
Vem amor, que um paraíso
Num abraço amigo
Sorrirá pra nós
Sem ninguém nos ver
Prometa, meu amor macio
Como uma flor cheia de mel
Pra te embriagar
Sem ninguém nos ver
Tragam uvas negras
Tragam festas e flores
Tragam corpos e dores
Tragam incensos e odores
Mas tragam Lúcifer pra mim
Em uma bandeija pra mim



skyfein

Hail Lucifer

The apples involve the naked bodies
In this river that runs in gentle veins inside of me
Angels and archangels don't land on this infernal Eden
And the savage's arrow killed one thousand birds in the air

Quiet, the serpent coils itself around your feet
It's Lucifer from the forest trying to hug me

Come over love, a paradise in a friendly hug
will smile at us, with no one to see us

I promise to open my soft love, like a flower full of honey
to inebriate you, with no one to see us

Bring black grapes
Bring feasts and flowers
Bring bodies and sorrows
Bring incenses and odors

But bring Lucifer to me
On a tray to me



Anahanbee

As maças envolvem os corpos nus
Nesse rio que corre
Em veias mansas dentro de mim
Anjos e Arcanjos repousam neste
Édem infernal

E a flecha do selvagem
Matou mil aves no ar

Quieta, a serpente
Se enrola nos seus pés
É Lúcifer da floresta
Que tenta me abraçar

Vem amor, que um paraíso
Num abraço amigo
Sorrirá pra nós
Sem ninguém nos ver

Prometa, meu amor macio
Como uma flor cheia de mel
Pra te embriagar
Sem ninguém nos ver

Tragam luvas negras
Tragam festas e flores
Tragam corpos e dores
Tragam incensos e odores

Mas tragam Lúcifer pra mim
Em uma bandeija pra mim



Lucas Soares

The apples involve the naked bodies
In this river that runs in gentle veins inside of me
Angels and archangels don't land on this infernal Eden
And the savage's arrow killed one thousand birds in the air

Quiet, the serpent coils itself around your feet
It's Lucifer from the forest trying to hug me

Come over love, a paradise in a friendly hug
will smile at us, with no one to see us

I promise to open my soft love, like a flower full of honey
to inebriate you, with no one to see us

Bring black grapes
Bring feasts and flowers
Bring bodies and sorrows
Bring incenses and odors

But bring Lucifer to me
On a tray to me



Vinícius Nogueira

The lyrics:
As maçãs envolvem os corpos nus
Nesse rio que corre em veias mansas, dentro de mim
Anjos e Arcanjos não pousam neste Édem infernal
E a flecha do selvagem matou mil aves no ar

Quieta, a serpente se enrola nos seus pés
É Lúcifer da floresta que tenta me abraçar

Vem amor, que um paraíso num abraço amigo,
sorrirá pra nós, sem ninguém nos ver

Prometo abrir meu amor macio, como uma flor cheia de mel
pra te embriagar, sem ninguém nos ver

Tragam uvas negras
Tragam festas e flores
Tragam corpos e dores
Tragam incensos e odores

Mas tragam Lúcifer pra mim
Em uma bandeja pra mim.



All comments from YouTube:

Lucas Rocha

A voz da Rita Lee, a psicodelia do Arnaldo, a virtuosidade de Sérgio fazem a maior banda de rock brasileira da história.

Gabriel Chong

@leonardo henrique tomara que seja piada.

leonardo henrique

@Dunr E d i t s Só os viciado em MPB kkk

Dunr E d i t s

discussão longa daporra bicho KKK

leonardo henrique

@Gur Eidens Meu não, o teu.

29 More Replies...

Camila Finamora

As maças envolvem os corpos nus
Nesse rio que corre
Em veias mansas dentro de mim
Anjos e Arcanjos repousam neste
Édem infernal
E a flecha do selvagem
Matou mil aves no ar
Quieta, a serpente
Se enrola nos seus pés
É Lúcifer da floresta
Que tenta me abraçar
Vem amor, que um paraíso
Num abraço amigo
Sorrirá pra nós
Sem ninguém nos ver
Prometa, meu amor macio
Como uma flor cheia de mel
Pra te embriagar
Sem ninguém nos ver
Tragam uvas negras
Tragam festas e flores
Tragam corpos e dores
Tragam incensos e odores
Mas tragam Lúcifer pra mim
Em uma bandeija pra mim

Camila Finamora

@Brendon Benegas obg por corrigir, foi o corretor!

Guilherme Viana

na verdade, a letra original era "prometo abrir meu amor macio", mas o "abrir" foi cortado por conta da censura

Brendon Benegas

@Hvitserk e ali em baixo é "uvas negras" não "luvas negras"

Brendon Benegas

@Hvitserk eu me referi a letra, eles falam o que eu falei, não o que ta ali

More Comments

More Videos