Cesária Évora, Travessa De Peixeira: We need your help!

  • I can comment on it

  • I know the meaning

  • I can review it

  • I can translate it

Skip to video »
Genre not found
Artist not found
Album not found
Song not found
Travessa De Peixeira
by Cesária Évora

Na Travessa De Peixeira
Oh cumpade! Num colde d'pêxe
Qu'ês quebrá-me, qu'ês rebentá-me
Qu'ês volta-me pa frontera

Na Travessa De Peixeira
Oh cumpade! Num colde d'pêxe
Qu'ês quebrá-me, qu'ês rebentá-me
Qu'ês volta-me pa frontera

Já-me ca pude pá Soncente
Espiá nhas gente oh qu'afronta
'M ca sabê c'zê qu'ês ta d'zê
D'nha poco juize na Lisboa

Já-me ca pude pá Soncente
Espiá nhas gente oh qu'afronta
'M ca sabê c'zê qu'ês ta d'zê
D'nha poco juize na Lisboa

Tcheu d'ês criola na Lisboa
Ês ca tem sentimente
Ês ca tem escrúpulo nem compaixao
Pa invadí inocente

Tcheu d'ês criola na Lisboa
Ês ca tem sentimente
Ês ca tem escrúpulo nem compaixao
Pa invadí inocente

Já-me ca pude pá Soncente
Espiá nhas gente oh qu'afronta
'M ca sabê c'zê qu'ês ta d'zê
D'nha poco juize na Lisboa

Já-me ca pude pá Soncente
Espiá nhas gente oh qu'afronta
'M ca sabê c'zê qu'ês ta d'zê
D'nha poco juize na Lisboa

...

Na Travessa De Peixeira
Oh cumpade! Num colde d'pêxe
Qu'ês quebrá-me, qu'ês rebentá-me
Qu'ês volta-me pa frontera

Na Travessa De Peixeira
Oh cumpade! Num colde d'pêxe
Qu'ês quebrá-me, qu'ês rebentá-me
Qu'ês volta-me pa frontera

Já-me ca pude pá Soncente
Espiá nhas gente oh qu'afronta
'M ca sabê c'zê qu'ês ta d'zê
D'nha poco juize na Lisboa

Já-me ca pude pá Soncente
Espiá nhas gente oh qu'afronta
'M ca sabê c'zê qu'ês ta d'zê
D'nha poco juize na Lisboa

Tcheu d'ês criola na Lisboa
Ês ca tem sentimente
Ês ca tem escrúpulo nem compaixao
Pa invadí inocente

Tcheu d'ês criola na Lisboa
Ês ca tem sentimente
Ês ca tem escrúpulo nem compaixao
Pa invadí inocente

Já-me ca pude pá Soncente
Espiá nhas gente oh qu'afronta
'M ca sabê c'zê qu'ês ta d'zê
D'nha poco juize na Lisboa

Já-me ca pude pá Soncente
Espiá nhas gente oh qu'afronta
'M ca sabê c'zê qu'ês ta d'zê
D'nha poco juize na Lisboa

'M ca sabê c'zê qu'ês ta d'zê
D'nha poco juize na Lisboa
'M ca sabê c'zê qu'ês ta d'zê
D'nha poco juize na Lisboa
'M ca sabê c'zê qu'ês ta d'zê
D'nha poco juize na Lisboa
'M ca sabê c'zê qu'ês ta d'zê
D'nha poco juize na Lisboa
Na Lisboa...
Na Lisboa...
Na Lisboa...
Na Lisboa...
Na Lisboa...
Na Lisboa...

Contributed by Keira E. Suggest a correction in the comments below.
To comment on specific lyrics, highlight them